Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

no souvenir

no souvenir

Regresso

Regressei ao meu blogue neste 11 de setembro, data difícil mas à qual vamos regressar sempre. Regressei mais uma vez à escrita descomplexada e sem grandes rodeios, numa nova tentativa de fazer disso rotina, embora seja difícil. Mas regressar pode ser mesmo isso, voltar a tentar, recomeçar, ganhar um novo fôlego, emergir.

 

Regressei na mesma altura em que milhares de crianças, nos quatro cantos do mundo, regressam também à escola. Regresso, por isso, às minhas memórias. Da ansiedade na véspera do primeiro dia de aulas. Do material escolar novo, do cheiro dos lápis, dos cadernos e dos livros. Dos amigos, brincadeiras, mas também das aulas e dos professores. Experiências tão importantes na vida de um ser humano mas vetadas ainda a muitas crianças. Meninos e meninas que fazem quilómetros para chegar à escola, a pé, no meio de conflitos, cidades devastadas. Outras e outros atravessam rios ou fazem quilómetros por estradas inacabadas.

 

Uma realidade que passa ao lado na nossa parte do mundo, mas que é sempre bom regressar e lembrar. Nem que seja através da fotografia.

 

Indonésia/Imagem: Reuters